Meu universo particular

Minhas-noites-em-claro capa 12

O meu mundo é um universo paralelo e particular, eu gosto de café forte, prefiro musicas antigas, muitas vezes, nada exorbitante sabe? Eu escrevo a realidade que eu gostaria de ver e de sentir muitas vezes, sou um poço de loucuras. Eu gosto muito de sexo, sempre quero mais, às vezes é tenso isso, achar alguém com a mesma voltagem. Esse universo particular que eu crio é complicado, volta e meia é rodeado de expectativas e falsas esperanças, até me esqueço do aviso: cuidado, não mergulhe de cabeça em pessoas rasas. Eu esqueço que isso machuca e muito.

Nesse mundo só meu, eu te crio, eu te imagino e te faço poesia. Aqui é onde eu posso te fazer só minha e posso ser só seu. É um universo particular confuso e cheio de intensificações. Eu deposito fichas até em jogos que não sei jogar, mas eu gosto porque você é minha personagem favorita.

Mas não julguem mal esse cara, ele só tem receio. Foram algumas pessoas que o mudaram, fizeram-no ser assim, risonho e cauteloso, feliz e pensativo. O problema é que as pessoas não veem além do que enxergam, acreditam no que julgam ver. Não é questão de ser ruim, é questão de que algumas pessoas não merecem o seu melhor!

Joá Jr.

Deixe uma resposta