Desapegue do passado

desapegue do passado

Cara, eu não entendo essa galera que se prende tanto ao passado que acaba deixando de viver o novo e o hoje. Pelo amor de Deus, eu acho tão fácil virar as costas e ir em frente. Sabe por que é difícil para essas pessoas? Porque ficam alimentando o passado, é igual a não querer cuidar de um cachorro de rua, mas todo dia dar comida e fazer carinho nele, óbvio que irá se apegar, só que você não o quer e isso acontece o mesmo com o seu passado que tanto diz não ter forças para gritar ao mundo “não, eu não quero mais”. Veja só, pode até te fazer bem, mas se na maior parte do tempo faz mal, então é hora de dizer “tchau, addio, goodbye” e seguir em frente.

Ao alimentar o passado com “ainda há chances, é um vai e volta, somos complicados mesmo ou não consigo”. Pense em quanto tempo está deixando de viver por causa disso, pense em quantas pessoas maravilhosas que podiam fazer você sorrir na maior parte do tempo se foram, em quantas alegrias individuais você deixou, pense em quantos sorrisos você deixou de proporcionar porque estava amargurada e ainda submersa no passado. Compensou? Acredito que não.

Não deixe de viver, não deixe de ter dias coloridos por causa de um passado preto e branco, não deixe de ter dias ensolarados por causa de um passado chuvoso, não deixe de acreditar que há alguém a sua espera e querendo te fazer feliz a todo custo por causa de alguém que te fez chorar mais do que sorrir.

É hora de ter pulso firme, dizer não e sim, não ao que te faz mais mal do que bem e ao que não quer, tem que dizer sim a tudo que vier para somar e alegrar seus dias futuros. Chega de trocar o futuro pelo passado, é hora de inverter, viva. Desapegue do passado!

Joá Jr.

Deixe uma resposta